Materiais/Cursos
- Pessoal
- Alimentação
- Extras
- Jogos e Esportes
- Informática
- Artes
- Telefônia
- Dinheiro
- Música
- Concursos
- Adulto
 
Dicas e Guias
- Artes e Cultura
- Ciências e Experiências
- Compras e Serviços
- Culinária e Receitas
- Dinheiro e Finanças
- Educação e Sabedoria
- Esportes e Jogos
- Estética e Beleza
- Estudos Bíblicos
- Fontes de Referência
- Games e Truques
- Histórias e Contos
- Humor e Piadas
- Internet e Informática
- Lazer e Diversão
- Limpeza e Consertos
- Mágicas e Truques
- Música e Instrumentos
- Saúde e Tratamentos
- Outros - Variados
Escreva uma Dica!
Mensagens
- Amizade
- Estudos e Cursos
- Humor
- Natureza
- Pessoa
- Reflexão
- Religiosa
- Saúde
- Vida
Envie sua Mensagem
 
Sites de Conteúdo Gratuito
- acesso grátis
- albúm de foto
- agenda virtual
- antivírus grátis
- bate papo
- blogs & Cia
- bookmarks
- brindes e prêmios
- cartões virtuais
- classificados virtuais
- cliparts grátis
- comparação de preços
- culinária
- dinheiro
- discos virtuais
- downloads
- drives
- ebook grátis
- email grátis
- educação
- empregos
- fontes grátis
- humor
- infantil
- jornal e revistas
- leilões virtuais
- lista de discussão
- música gratis cifra
- música grátis mp3
- namoro online
- tradutores online



Receba
Novidades em seu e-mail

Curso de CGI
Material de Curso de CGI Gratuito



Programa, o que você irá aprender:

  • Um Formulário de Pedidos On-line
  • A Página Web
  • A Seção Introdutório do Documento HTML
  • Definindo as Informações Que Devem Ser Ocultadas do Cliente
  • Apresentando as Opções do Produto
  • Enviando o Pedido
  • O Script
  • Determinando o Método
  • Dividindo as Informações em Pares Nome/Valor
  • Manipulando os Elementos Que o Formulário Não Passa
  • Definindo as Opções de Pagamento do Cliente
  • Enviando uma Mensagem de Resposta ao Cliente
  • Resumo
  • Créditos & Autoria
  • LOGO – Biblioteca Virtual do STI

Um Formulário de Pedidos On-line

Uma das melhores utilizações da CGI é permitir que um cliente em potencial visite seu site e encomende um produto on-line. Apesar de essas iniciativas comerciais não serem a característica mais importante da Internet, o mercado está conduzindo o desenvolvimento da Internet e de seus padrões.

Fazer com que as empresas possam comercializar seus produtos on-line é o próximo passo na evolução da Inernet.
De um momento para outro, todos os comerciais de TV começaran a mostrar o endereço Web do anunciante, isso porque as empresas acreditam que a Internet tenha potencial de marketing.

Originalmente as pessoas pensavem que a Web seria apenas um meio para exibir informações, mas CGI mudou isso.
Este Tutorial trata dos formulários de pedido que permitem que o visitante encomende um produto on-line. Depois de submeter o pedido, este é enviado por correio eletrônico para ser processado.

Apesar de o exemplo de aplicativo deste tutorial envolver uma empresa fictícia de venda de automóveis, o mesmo formulário pode ser aplicado a todos os ramos de negócios: flores, computadores, doces ou qualquer outra coisa que possa ser vendida na Web.

A Página Web

Primeiro é preciso criar a página Web. Esta página permite que o visitante digite informações, selecione itens de listas ou checkbooks e submeta as informações digitadas, que então são enviadas para o script.

Para que o documento HTML seja efetivo, ele precisa ser intuitivo.
Simplesmente olhando a página, o cliente deve ser capaz de compreender qual informação precisa ser digitada em qual lugar. Quanto mais intuitiva for sua página, mais chances deu script terá de
funcionar corretamente, evitanto o perigo de desencorajar o visitante.

A primeira seção do documento deve indicar ao visitante qual é a finalidade da página. No exemplo de página usado neste Tutorial, uma empresa de venda de carros deseja comercializá-los na Web.

Em seguida, deve-se permitir que o visitante digite informações pessoais como nome, endereço de correio eletrônico, endereço residencial e tudo mais que for preciso para processar o pedido e enviar o produto ao cliente.

Finalmente, ofereça ao visitante uma lista de itens para escolher. No exemplo de página usado neste tutorial, permita que o visitante escolha um carro e seus acessórios.

A Seção Introdutório do Documento HTML

Começamos criando a primeira seção do documento HTML. Nela, como mostra a lista abaixo, abrimos o documento HTML, damos a ele um título e fornecemos algumas informações introdutórias a seus visitantes

<HTML>
<HEAD>
<TITLE> Carros Novos Supkay </TITLE>
</HEAD>
<BODY>
<H1>Bem-vindo a Carros Novos Supkay! </H1>
<Nós temos aqui alguns <b>GRANDES</b> negócios apenas esperando você chegar e sair dirigindo com eles! Com nossa grande variedade de escolhas, estou certo de que você encontrará algo que irá <b>amar</b>!>
<HR>
<FORM ACTION="/cgi-bin/buycar.pl" METHOD="POST">
<PRE>

Nomeamos a página BUYCAR.HTML e o script BUYCAR.PL. Usamos o marcador <PRE> para facilitar a formatação da página, mas poderíamos ter usado tabelas.

Definindo as Informações Que Devem Ser Ocultadas do Cliente

Nosso próximo passo é decidir quais informações devem ser ocultadas do cliente.É absolutamente necessário permitir que o visitante escolha itens específicos. Também é preciso que o visitante forneça seu nome e endereço. Provavelmente teremos de determinar uma forma pela qual o visitante pagará o item que comprar, a menos que ele seja gratuito. Também será preciso decidr NAME curto, mas ao mesmo tempo significativo. A seguir temos uma lista de itens que o visitante deve
preencher, com um nome atribuído a cada um:

Nome = fname
Sobrenome = lname
Email = email

Agora coloque essa lista no documento da seguinte maneira:

Digite seu primeiro nome: <INPUT TYPE="text" NAME="fname" SIZE=46>
Seu sobrenome: <INPUT TYPE="text" NAME="lname" SIZE=46>
Seu email: <INPUT TYPE="text" NAME="fname" VALUE="login@provedor.com.br"
SIZE=46>

Página Anterior
Próxima Página
voltar próximo
1 - 2 - 3 - 4 - 5

 
 

 

IdealGratis.com © Copyright - Todos os direitos reservado aos seus respectivos Autores. - Envie seu Material - | Parceiros
Escolha seu Idioma:
English (British)
Spanish
French
Italian
Deutsch